Investidor global do Uber e do Banco Inter, o grupo japonês SoftBank traz uma boa notícia para os motoristas brasileiros da empresa de viagens. O grupo está trabalhando para oferecer a conta digital do Inter para os motoristas na região.

A notícia foi anunciada por Felipe Fujiwara vice-presidente do SoftBank Inovation Fund, megafundo que foi lançado há um ano para investimentos em tecnologia na América Latina, no valor de US$ 5 bilhões, o que o torna o maior já criado para investir no setor na região.

Felipe participou de um evento em São Paulo e comentou “Buscamos sinergias entre as empresas do nosso portfólio. Dar uma conta digital do banco Inter para motoristas do Uber é uma receita adicional que nenhum empreendedor poderia prever”.

No entanto ao ser contatada, a assessoria de imprensa do Uber negou a existência do acordo.

O SoftBank começou a integrar no capital do Banco Inter no ano passado ao aportar na oferta subsequente (follow on) do banco. Atualmente a participação é de cerca de 15%. Após a concretização, essa será a primeira vez na região em que o Softbank fará uso de sinergias entre seus investimentos

A história da Uber teve início quando seus fundadores, Garrett Camp e Travis Kalanick, em Paris, enfrentaram dificuldade para encontrar um táxi. Percebendo a demanda por transporte, os executivos resolveram criar uma plataforma que permitisse solicitar carros premium. A Uber foi fundada em 2009, na Califórnia, como um aplicativo para facilitar o acesso ao transporte.

Atualmente, a empresa está presente em mais de 600 cidades, permitindo que os usuários do app solicitem corridas e que pessoas comuns ganhem dinheiro com seus próprios carros. De acordo com informações da companhia, hoje a plataforma conta com 75 milhões de usuários, 3 milhões de motoristas parceiros e realiza cerca de 15 milhões de viagens por dia.

A missão da empresa é oferecer transporte confiável para as pessoas em todos os lugares. Para isso, a companhia segue diretrizes como respeito mútuo, segurança e qualidade. Segundo dados da companhia, a política da Uber se baseia em “tolerância zero com qualquer tipo de discriminação”.