Record altera programação para exibir diplomação de Jair Bolsonaro ao vivo

A Record resolveu alterar a programação do próximo dia 10, segunda-feira. A emissora abriu uma exceção e vai exibir um plantão do jornalismo. Na oportunidade, será apresentada a diplomação do presidente eleito Jair Bolsonaro.

O plantão será exibido após Bela, A Feia, às 15h50. Ainda não foi informado quem apresentará o momento jornalístico, mas Reinaldo Gottino deve assumir as funções, já que estará de plantão na emissora após apresentar o Balanço Geral.

A programação, logo após, seguirá normal com a apresentação do Cidade Alerta. A Record, mesmo antes de Bolsonaro ter sido eleito, já dava destaque para o político.

Apesar de tecer elogios para Jair Bolsonarodurante as últimas semanas em seu programa, o apresentador Ratinho do SBTvetou o humorista Pedro Manso de continuar imitando o novo presidente do Brasil a partir do ano que vem, quando ele assume o cargo.

Pedro imitou o político na noite da última segunda-feira, 26, durante o quadro ‘Dez ou Mil’ e teve a atenção chamada pelo apresentador do SBT. “A partir do dia 1º você não pode mais imitá-lo. Está proibido. Eu não quero ser preso”, falou Ratinho.

No início do mês , o apresentador saiu em defesa do novo presidente do Brasil. “Eu queria pedir para que alguns jornalistas do Brasil pararem. Todo ministro que o Bolsonaro convida, tem sempre alguns jornalistas debochando. Eu acho que o período de deboche já passou. Perderam as eleições. As redes sociais ganharam. Então parem de ser canastrão (sic), um bando de canalhas. É um bando de jornalistas que ficam pegando dinheiro ‘do outro lado’, porque aqui ninguém é besta. E não fiquem me xingando não, porque se me xingarem eu falo o nome e aguento o processo, inclusive”, disparou.