Prefeitura do Rio nega que houve invasão a hospital e afirma se tratar de “Fake news” - Ronaldo Cunha