Com o número cada vez maior de pessoas infectadas pelo novo coronavírus e as drásticas medidas que os governadores de cada estado brasileiro vem tomando para frear essa doença, o trabalho dos motoristas de aplicativos e diversas outras áreas da economia brasileira estão sofrendo como nunca antes se havia visto.

Motoristas que antes faturavam em média R$ 250 por dia, hoje observam com tristeza e profunda preocupação o desenrolar dessa pandemia que tem feito as solicitações de viagens caírem em mais 80%. Talvez nem mesmo o decreto do presidente Jair Bolsonaro publicado na noite de sexta-feira (20) , que estabelece como serviços essenciais os aplicativos Uber99 e Cabify, será o suficiente, pois embora estejam liberados, a grande maioria dos passageiros preferem a quarentena do que qualquer possibilidade de arriscarem suas vidas.

Em Mogi das Cruzes, município do estado de São Paulo, um motorista conseguiu faturar apenas R$ 60,41 em um período de 9 horas e 51 minutos de trabalho. Foram 5 viagens no total, o que significa que ele ficou esperando em média 1 hora entre cada uma delas.

O relato dele foi feito no dia 21 de março quando nem tudo estava completamente fechado, então muito provavelmente a partir de hoje (24) as coisas poderão ficar muito piores, pois o governador João Dória comunicou a imprensa de que todo o estado de São Paulo entrará em quarentena a partir desta terça-feira.

Por outro lado, existem também relatos de outros motoristas que não tiveram rendimentos tão ruins, como você pode ver nas imagens a seguir:

Segundo o motorista, os R$ 249,85 são referentes a um período de trabalho entre às 16:00 do dia 20/03 e 01:00 do dia 21/03
Este motorista questionou o rapaz que fez apenas R$ 60,41 em 9 horas e 51 minutos de trabalho, pois ele conseguiu R$ 59,30 em apenas 2 horas e 47 minutos
Já este motorista ganhou R$ 90,74 em 3 horas e 54 minutos de trabalho, o equivalente a quase R$ 25 por hora.

Como você pôde ver nas imagens, sempre haverá um ou outro que consegue se destacar mesmo em tempos mais difíceis, muito provavelmente pelo uso de estratégias de posicionamento e horário, porém nem mesmo os motoristas mais experientes conseguirão ganhar bem por muito tempo, ou pelo menos enquanto o número de casos do novo coronavírus no Brasil não parar de diminuir, pois até lá a tendência é que mais estados entrem em quarentena e, consequentemente, menor serão as solicitações de viagens.

GRUPÃO DO TELEGRAM
WEST MOTORISTAS
Informações sobre motoristas de aplicativos no Rio de Janeiro
https://t.me/WestMotoristas