Policiais militares ajudaram a vítima, que foi levada para o Hospital Getúlio Vargas, onde entrou em uma cirurgia. Não havia informações sobre o estado de saúde.

Um homem foi baleado nas costas, na manhã desta quarta-feira (21), ao pegar um atalho na Avenida Brasil e entrar na Cidade Alta, comunidade da Zona Norte do Rio. Ele encontrou uma barricada e tentou dar meia-volta, mas bandidos abriram fogo contra o carro.

Até a última atualização desta reportagem, não havia informações sobre o estado de saúde da vítima.

Cristiano Coimbra, gerente de Projetos do jornal O Globo, veio de Itaipava, na Região Serrana, e ia para uma reunião, no Centro do Rio. Ele passava pelo Trevo das Missões e seguiria para a Avenida Brasil.

Diante de um engarrafamento, Cristiano resolveu usar um atalho mostrado por um aplicativo. A vítima pegou o caminho sem saber que se tratava de um dos acessos da Cidade Alta.

Quando ele entrou na rua, o gerente encontrou uma barricada colocada pelo tráfico de drogas e um ponto de controle. Ele tentou voltar, mas os criminosos abriram fogo.

De acordo com os peritos, o carro foi atingido, pelo menos, por quatro disparos. Um na parte da frente, um na lateral e dois na parte de trás. Segundo os especialistas, foi um destes disparos que perfurou a lataria e o banco e atingiu a vítima nas costas.

Mesmo baleado, Cristiano conseguiu dar meia-volta e foi para o Trevo das Missões, onde perdeu o controle do carro e atingiu outros dois veículos.

Policiais militares foram até o local e ajudaram a vítima, que foi levada para o Hospital Getúlio Vargas e entrou em uma cirurgia.

Carro de Cristiano Coimbra foi atingido, pelo menos, por quatro disparos — Foto: Reprodução/ TV Globo

Acesso fechado

Motoristas que passam pela região afirmam que o desvio costuma aparecer em aplicativos quando o trânsito está intenso e disseram que, até pouco tempo, era possível usá-lo.

Porém, com o avanço do tráfico de drogas na Cidade Alta, no Morro do Pica-Pau e em toda a área conhecida como Complexo de Israel, o desvio se tornou perigoso.

Carro de homem que entrou por engano em comunidade da Zona Norte do Rio foi atingido por pelo menos quatro tiros — Foto: Reprodução/ TV Globo