O presidente da República, Jair Bolsonaro, voltou a criticar, nesta quinta-feira (18), as atitudes recentes da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Em transmissão ao vivo nas redes sociais, Bolsonaro disse que a OMS “parece que não acerta nada”:

“A nossa querida OMS, Organização Mundial de Saúde, fica o tempo todo no vai e vem, a máscara protege, não protege. A quarentena aí, fique todo mundo em casa. É bom, uma hora não é bom. A questão da hidroxicloroquina, não vamos mais orientar, fazer pesquisa com hidroxicloroquina. Depois volta atrás. Depois vem na questão dos assintomáticos, que raramente transmite o vírus. Depois, em 24 horas mudou de ideia completamente.”

Bolsonaro ainda citou que algumas das orientações da entidade internacional são distorcidas:

“A nossa OMS está deixando muito a desejar nessa área. Fala-se tanto em foco em ciência. Com todo o respeito, o que menos tem de ciência é a nossa OMS, parece que não acerta nada. Fica num vai e vem o tempo todo. Parece que alguém toma uma decisão, fala alguma coisa e de repente alguém que manda lá, que parece que é isso né, ‘Desminta isso daí que não está pegando bem pra gente’.”