Maduro quer negociar ‘acordo de paz’ com México e Uruguai

“Estou pronto para o diálogo”, disse o ditador no dia seguinte à autoproclamação do líder opositor Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela.

O ditador Nicolás Maduro disse nesta quinta-feira (24) que está de acordo com a proposta dos governos do México e do Uruguai de iniciar um diálogo que leve a um “acordo de paz nacional”.

Em discurso no Tribunal Supremo de Justiça, segundo o “G1“, Maduro declarou:

“Os governos do México e do Uruguai propuseram que se crie uma iniciativa internacional para promover um diálogo das partes na Venezuela para buscar uma negociação, para buscar um acordo de paz nacional.”

E, respondendo às propostas dos governos, acrescentou:

“Aos governos do México e do Uruguai, digo publicamente: estou de acordo com uma iniciativa diplomática para o diálogo nacional na Venezuela. Estou pronto para o diálogo, para o entendimento, para a negociação, para o acordo.”