Campanha no Facebook promove o ‘Janeiro Peludo

Em revistas de moda e na publicidade a regra é mostrar mulher com as axilas e as pernas impecavelmente depiladas. Porém, para um grupo de mulheres no Facebook, chegou a hora da virada. Apropriadamente, em janeiro.

Elas lançaram na rede social o Januhairy (em referência a January – janeiro, em inglês), que pode ser traduzido como Janeiro Peludo. A depilação, principalmente das axilas e das pernas, está proibida.

A ideia é ser uma alternativa ao padrão e promover a aceitação do corpo feminino com pelos.

“Algumas de nós não gostamos (de estar depiladas), outras gostam. Mas continuamos femininas, higiênicas e bonitas, não importa se estamos peludas ou depiladas”, escreveu Laura Jackson, fundadora do grupo, no Facebook.

O movimento começou na Inglaterra, mas já tem a adesão de mulheres de EUA, Candá, Alemanha, Rússia e Espanha.

“Esta não é uma campanha raivosa para pessoas que não veem como normais os pelos do corpo”, disse à BBC Laura, estudante universitária de 21 anos.

A campanha também tem o objetivo de arrecadar verba para a instituição de caridade Body Gossip. A meta inicial: mil libras (cerca de R$ 4,7 mil).