Autor de ameaças contra Wyllys também tinha Malta como alvo

/, Política/Autor de ameaças contra Wyllys também tinha Malta como alvo

Autor de ameaças contra Wyllys também tinha Malta como alvo

2019-01-29T11:44:28+00:0029/01/2019 11:44|Categorias: Brasil, Política|Nenhum Comentário

O grupo responsável ameaças contra Jean Wyllys e Magno Malta é alvo de pelo menos duas operações policiais: a Intolerância e a Bravata.

Marcelo Valle Siqueira Mello, um dos membros do grupo “Homens Sanctus”, foi condenado em 2012 e 2018.

O meliante foi preso em maio do ano passado, no âmbito da Operação Bravata. Ele foi condenado a 41 anos de prisão e pagamento de R$ 1 milhão, com base na nova Lei Antiterrorismo no Brasil.

O Ministério Público Federal pediu a condenação de Mello no ano passado por associação criminosa, pedofilia, racismo, crime de incitação, coação no concurso do processo e terrorismo. O acusado foi condenado em dezembro de 2018, informa o “Estado de Minas“.

Marcelo Mello foi levado à Justiça com base em e-mails enviados de endereços criados pelo grupo. O meliante chegou a ameaçar a “utilização de explosivos” contra universidades “caso os deputados Jean Willys e Magno Malta não renunciassem”.

A sentença da Operação Bravata afirma:

“O autor das ameaças, de codinome árabe, faz exigências fundadas em ideais de discriminação e preconceito, ao referir-se expressamente à renúncia dos então deputados Jean Wyllys e Magno Malta, tachados como pedófilos, homossexuais, corruptos e degenerados, afirmando ao final, que, se for identificado, vai se matar ao estilo homem-bomba, gritando palavras de ordem em árabe (ALLAHU AKBAR), e denominando-se o Justiceiro de Deus.”

O deputado Jean Wyllys anunciou na última quinta-feira (24) que abrirá mão de seu terceiro mandato e deixaria o Brasil em razão de ameaças e por temer por sua própria vida. Ele deverá se refugiar na Espanha.

Já Magno Malta não conseguiu a reeleição como senador no Espírito Santo, mas nunca veio a público anunciar que estava sendo alvo de ameaças, nem cogitou sair do País.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) publicou um tuíte apontando a diferença no comportamento entre os dois alvos de ameaças:

 

 

Faça um comentário

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: